EVANGÉLICOS E CATÓLICOS JUNTOS REALIZAM ENCONTRO HISTÓRICO

(documento "Memória e Discernimento" do Encontro, por Pe Marcial Maçaneiro)

Um momento para ficar na história! Foi o encontro que reuniu evangélicos e católicos nos dias 30 de abril e 1º de maio de 2008 na Comunidade Canção Nova, em Lavrinhas, São Paulo.

Bispos, pastores, sacerdotes, diáconos e vários líderes em suas igrejas e regiões, os 80 participantes vindos da Argentina, Chile, Peru, Inglaterra, Itália, EUA e de vários estados do Brasil foram recebidos pelo Monsenhor Jonas Abib, fundador da Comunidade Canção Nova e pelo idealizador do encontro, Matteo Calisi, fundador da Comunidade de Jesus.

Todos juntos, por dois dias, conviveram fraternalmente, permanecendo em oração, louvor, partilha da Sagrada Escritura, e testemunhos, tornando viva a palavra de Jesus no evangelho de João 17,20: “que todos sejam um a fim de que o mundo creia”.


Ao fundo Matteo Calisi (Fundador da Comunidade de Jesus/Itália) e Jorge Himitiam (Pastor Argentino e Presidente do CRECES)

A iniciativa surgiu, a partir dos contatos de Matteo Calisi com diferentes líderes, fundadores de Novas Comunidade, como a Comunidade Bom Pastor e presbíteros católicos e de reuniões com alguns evangélicos, como o Pastor Jorge Himitian, evangélico pentecostal na Argentina e presidente do CRECES (Comunhão Renovada de Evangélicos e Católicos) naquele país.

O encontro não teve um caráter oficial, mas de convivência fraterna. Mesmo assim, contou com a presença de dois Bispos católicos e um Bispo Evangélico Pentecostal: Dom José Alberto Moura, Arcebispo de Montes Claros-MG que preside a Comissão para o Ecumenismo, da CNBB e Dom Benedito Beni, Bispo da Diocese de Lorena onde está a cidade de Lavrinhas que sediou o evento. E, também o Bispo pentecostal Allan Fonseca, da Califórnia, EUA.


Doris (fundadora Comunidade Bom Pastor) e Matteo Calisi (fundador da Comunidade di Gesù-Italia)

A alegria contagiante foi a marca do encontro entre os irmãos de igrejas diferentes. Através do louvor, da adoração a Deus e da música animada pela Banda Bom Pastor, a unidade entre cristãos foi concreta e ternamente vivida por todos. É muito difícil destacar os momentos mais importantes, pois foram muitos e bem fortes como os depoimentos pessoais de reconciliação, de perdão, de coração apaixonado por Jesus, testemunhos daqueles que já trabalham unidos pelo Reino de Deus e em favor dos mais pobres: nas favelas, nas regiões de miséria e nas casas de recuperação.

Todos foram impactados com as palestras ardorosas dos pastores e os testemunhos comoventes dos católicos. Isto sem falar na música que foi (e é) um dos principais instrumentos de união entre cristãos.


Padre Enrique (Comunidade
Aliança de Misericórdia) e
Pastor Silvestre (Igreja
Batista de São Paulo)

Rev. Anthony Palmer (Igreja
Anglicana – Inglaterra) e Mons
Jonas Abib (fundador
Canção Nova)

Cantora evangélica (Assembléia
de Deus) e Padre Marcial
(Assessor da CNBB
para o Ecumenismo)

Segundo os participantes, os dois dias não foram suficientes para tudo o que gostariam de fazer em comum, mas foi um bom aperitivo do que virá em breve e, pelo que tudo indica, em local que comporte um número bem maior de pessoas.

Para garantir a continuidade desses encontros e para estreitar os laços de fraternidade com outros irmãos que não puderam participar, foi formado um grupo de serviço fraterno representativo dos demais. O grupo formado por 20 pessoas, escolheu 4 pessoas, dois católicos e 2 evangélicos para iniciarem a organização dos futuros encontros. São eles: Pastor Sergio Franco, da Aliança Missionária de Discípulos/AMD Rio de Janeiro e Pastor Jamê Nobre, da Comunidade Cristã Missionária de Jundiaí-SP, e dois católicos, o Padre Marcial, assessor da CNBB para o ecumenismo e Reinaldo Bezerra, coordenador estadual da RCC-SP.


Da esquerda para direita, de cima para baixo
GRUPO DE SERVIÇO FRATERNO: Pastor Rui Rodrigues (Comunidade Carisma – Osasco/SP), Pastor Sergio Franco (Aliança Missionária de Discípulos – Rio de Janeiro/RJ), Pastor Jamê Nobre (Comunidade Cristão Missionária – São Paulo/SP), Padre Marcial Maçaneiro (Assessor da CNBB para o Ecumenismo), Matteo Calisi (Fundador da Comunidade di Gesù – Itália), Reinaldo Bezerra (RCC), Pastor Humberto Alcântara (Igreja Batista – Taubaté/SP), Pastor Vinci Rego (Aliança Missionária de Discípulos – Vitória/ES), Padre Carlo Colonna (Comunidade di Gesù – Italia), Pino Scafuro (responsável pela RCC Argentina e membro do Creces), Bispo José Moura (Presidente da Comissão para o Ecumenismo CNBB), Pastor Jorge Himitian (Igreja Cristã da Argentina e Presidente do Creces), Pe Helio Pacheco (Reitor Seminário São José Rio de Janeiro e Vice-Presidente do Conic/Rio)), Tácito José (Arquidiocese de Pouso Alegre/MG),), Pastor Abílio Chagas (Comunicação e Missão – Bauru/SP), Mons. Jonas Abib (Fundador da Comunidade Canção Nova – Lavrinhas/SP); Isaías Carneiro (Fundador da Comunidade Coração Novo – Rio de Janeiro/RJ), Iete Aleixo (Comunidade Bom Pastor – Rio de Janeiro/RJ), Ângela Debellis (Representante da Comunidade de Jesus no Brasil - Rio de Janeio/RJ), Julia Torres (Representante da Comunidade di Gesù – Argentina e membro do CRECES).

Vamos aguardar em oração e com uma esperança firme pelos próximos encontros, pois “há um só Senhor, uma só fé, um só batismo. Há um só Deus e Pai de todos, que atua acima de todos, por todos e em todos”. Amém! Aleluia!



« VOLTAR

"Se tu fores aquilo que deves ser, lançarás fogo ao mundo". (Santa Catarina de Sena)